http://fflorestal.sp.gov.br

03/03/17 15:14

Após 48h, incêndio é controlado no Parque Estadual Ilhabela

O fogo atingiu um dos símbolos do Parque Estadual Ilhabela, o Pico do Baepi,
a mais de mil metros de altitude 
Um incêndio atingiu o Pico do Baepi, no Parque Estadual Ilhabela (PEIb), na última terça-feira (28). O fogo foi controlado por volta das 16h desta quinta-feira (02). As chamas estavam localizadas em uma região de difícil acesso e o combate foi feito por equipes que atuaram por terra e por ar, com o apoio do helicóptero Águia, da Polícia Militar.

A ação contou ainda com a participação de equipes do Parque Estadual Ilhabela, Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Defesa Civil, Polícia Ambiental, Polícia Militar, Prefeitura de Ilhabela e Corpo de Bombeiros. Moradores e voluntários também contribuíram com informações e imagens.

O helicóptero Águia entrou em ação, utilizando mais de três mil litros de água do mar para conter as chamas. O local ainda está sendo monitorado para evitar que novos focos voltem a se propagar.

O incêndio atingiu a vegetação de Refúgio Montano – uma fisionomia rara e importante para a conservação do Parque, presente em apenas 0,2% da Unidade de Conservação. Ainda não foi possível avaliar a extensão atingida pelo fogo. As causas do incêndio estão sendo apuradas.

O Pico do Baepi

A trilha do Pico do Baepi é um dos principais atrativos do Parque Estadual Ilhabela, procurado por ecoturistas que gostam de caminhadas mais desafiadoras. Para visitá-lo, é necessário o acompanhamento de monitor ambiental credenciado. Não é permitido acampar ou fazer fogueiras no local. A caminhada tem início em área aberta e logo adentra na Mata Atlântica. A flora e a fauna vão mudando conforme a altitude e o clima do ambiente até chegar ao pico, com 1.048 metros de altitude e uma vista 360 graus da Ilha

Sobre o parque

O Parque Estadual Ilhabela foi criado em 1977, pelo Governo do Estado de São Paulo. Ao longo desses 40 anos, ele vem preservando a Mata Atlântica em sua forma insular, incluindo a fauna, flora, recursos hídricos e beleza cênica, além do patrimônio histórico-cultural do arquipélago.

Esta unidade de Conservação de Proteção Integral abriga 12 Ilhas, três ilhotes, três lajes e um parcel. Neste ambiente, já foram registradas mais de 320 espécies de aves, 41 anfíbios, 51 mamíferos, 44 repteis e 14 peixes de água doce. A ilhatambém é ponto de parada para diversas espécies marinhas e migratórias, que vêm dos mais distantes locais do globo terrestre.

Serviço

O Centro de Visitantes funciona de segunda a sexta das 8h às 17h. Aos finais de semana, das 15h às 21h, na Praça Coronel Julião de Moura Negrão nº 115 – Centro – Ilhabela – SP. Fones: (12) 3896-2585 / 3896-1646.