Parque Estadual Campos do Jordão comemora aniversário com concurso cultural

A quarta edição do concurso teve como tema “Um olhar sobre o Parque Estadual Campos do Jordão” & “O Artista no Parque”.

O Parque Estadual Campos do Jordão completou 78 anos no dia 27 de março. Para comemorar, a Unidade de Conservação promoveu a quarta edição do concurso cultural “Um olhar sobre o Parque Estadual Campos do Jordão” & “O Artista no Parque”, que reuniu desenhos, fotografias, poemas e textos que refletem a importância do Parque para os moradores do município.

A edição desse ano bateu o recorde de participação. Foram 564 inscrições divididas nas categorias Serelepe, Macaco prego, Suçuarana e O Artista no Parque. Esta última contou com a participação de 26 artistas. O evento contou com parceria da Secretaria Municipal de Valorização da Cultura de Campos do Jordão e do Museu Felícia Leirner/Auditório Cláudio Santoro, parcerias essas que deram origem à nova categoria: O Artista no Parque. Apoiaram o evento Restaurante Dona Chica e Zoom Aventura, permissionários do Parque.

O Artista no Parque teve por objetivo promover o encontro e a interação de artistas locais e convidados com os visitantes e a paisagem do Parque, criando um ambiente artístico e cultural em meio a natureza, conciliando cultura, turismo e conservação ambiental. Artistas locais e regionais foram convidados a participar desta ação no dia 23 de março, para apresentarem seus trabalhos de pintura, escultura, arte manual, música, teatro e dança. Os trabalhos foram apresentados nas áreas de visitação do Parque, interagindo com o público presente e dando um caráter cultural e artístico à Unidade de Conservação.

Um dos destaques foi a apresentação do Grupo Olharte – Projeto Social Eliane Humberg para a Dança que oferece aulas gratuitas de dança para pessoas de diferentes idades e gêneros desde 2015, em Taubaté e Campos do Jordão. O Auditório Cláudio Santoro cedeu suas instalações para aulas e ensaios. Os jovens participantes fizeram uma belíssima intervenção de dança na principal estrada do Parque e por toda a Trilha da Cachoeira, a mais visitada da UC, trazendo para os visitantes um atrativo a mais. No final do dia os resultados foram apresentados à Comissão Julgadora que avaliou as obras.

A cerimônia de premiação foi realizada no dia 30 de março e contou com a presença do secretário municipal de Valorização da Cultura de Campos do Jordão, Benilson Antonio Toniolo de Oliveira, da coordenadora do Museu Felicia Leirner e Auditório Claudio Santoro, Marina Falsetti. Estiveram presentes os artistas que participaram na categoria O Artista no Parque, integrantes do Grupo Olharte – Projeto Social Eliane Humberg para a Dança, funcionários do PECJ, das empresas Permissionárias do Parque e membros das comissões julgadoras.

Premiação

A – Categoria Serelepe (de 06 a 12 anos)

1º lugar: Maria Rita Alves da Silva, autora do desenho Serraria do Horto Florestal, da EM Professora Cecília de Almeida Leite Murayama;
2º lugar: Tainá Carla de Souza, autora da fotografia Pássaro, da Escola Interação;
3º lugar: Sara Pedroso Badoni, autora do desenho Dia e noite no Horto, também da Escola Interação.

B – Categoria Macaco prego (de 13 a 17 anos)
1º lugar: Leonardo Bretas Gonçalves da Silva, João Victor da Silva Resende, Carlos Alberto de Araújo Silva, Igor de Oliveira Pereira, Nicolly Pena da Silva, autores do desenho Biodiversidade, da Escola Interação;
2º lugar: Maria Tereza de Oliveira Prezoto, autora do desenho Horto, o centro da natureza jordanense, da Escola Interação;
3ª lugar: Everton Alves, autor da fotografia O choro da mãe natureza, funcionário da Escola Interação.

C – Categoria Suçuarana (acima de 18 anos)
1º lugar: Rodrigo Santiago, autor do desenho Papagaio do peito roxo;
2º lugar: Bernadet Amaral, autora da pintura Serraria;
3º lugar: Rodrigo Cesar de Sá Vicente, autor do desenho A guardiã da Fazenda da Guarda.

D – Categoria “O Artista no Parque”
1º lugar: Helena Therezinha Moyses da Silva;

Marina Falsetti entrega o troféu para Eliane Humberg, da Olharte, que o recebeu em nome da artista Helena Therezinha Moyses da Silva, que não pôde estar presente
Lia Reismann ficou em segundo lugar na categoria O Artista no Parque

2º lugar: Lia Reismann;
3º lugar: Laura Gama Lima.

Escultura
1º lugar: Sérgio Giudice

Arte Manual
1º lugar: Thaís Caroliny Marinho da Silva

Thaís Caroliny Marinho da Silva, vencedora na categoria O Artista no Parque – Arte Manual

Música

1º lugar: Banda HNBB

A banda HNBB, de Campos do Jordão, vencedora na categoria O Artista no Parque – Música animou a festa

Teatro
1º lugar: Thaciane Vitor Ribeiro

Dança
1º lugar: Alane Gardelli/Laine Senóbio/Thaciane Vitor Ribeiro;
2º lugar: Yandara do Rego Ferreira;
3º lugar: Maria Eduarda Pereira Abrão/Natacha Moraes Oliveira.

Equipe do Parque Estadual Campos do Jordão

Texto: Dirceu Rodrigues
Revisão: Cris Leite